sexta-feira, 29 de outubro de 2010 by Pamella Medeiros
"E as horas leves daquele outono ficariam trancadas pra sempre nas inspiradas linhas
que o coração - impulsivo e sonhador - a permitiu escrever..."


[YSF]
Posted in | 9 Comments »

9 comentários:

vidarealdasam disse...

Olá Pamella !!!

Que linda frase !! Adorei !!
Também tenho um coração impulsivo e sonhador, ahhh como dá trabalho viu !! :)

Grande beijo e parabéns pelo lindo espaço !

Pamella Medeiros disse...

E como dá!
haha
Obrigada, Samanta!


Seja bem vinda ♥

Cristiane disse...

E tem coisa melhor do que ter um ♥ assim?? Lindo de++++. Bjs, Pam.:D

Gigi disse...

Pamella, que aconchego seu cantinho!
Bjkssssssssss

Poemas e Amizades disse...

Esse pensamento é tremendamente inspirador. De uma beleza e de uma poesia muito grandes. Alguns outonos vivem muitos anos para além do ano em que vieram, e da estação que deveriam ser... Alguns outonos antigos surgem subitamente em nossas primaveras atuais, para reclamar à nossa memória essas leves horas trancadas dentro de nós. Alguns costumam chamar o outono de saudade. Outros, invertem, e chamam a saudade de outono. E outros ainda percebem que estão tratando da mesma coisa...
Um abraço carinhoso
Marcelo Bandeira

Nina disse...

amei*

Pelos caminhos da vida. disse...

Bravo!!!

Bom fim de semana.

beijooo.

Amor feito Poesia disse...

O amor pode florescer
e dar frutos ou florescer
e perfumar a saudade...

Valquiria Cordeiro

BOM FDS e Beijos Meus!M@ria

Tamara Lacerda disse...

Pam,
brigada pela visita!
gostei bastante de teu cantinho ^^

tudo de bom, querida!

beeijo

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.